O TIMSS e a participação de Portugal

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Vítor Alberto Rosa

Resumo

Neste artigo apresentamos uma análise sobre o estudo internacional Trends in International Mathematics and Science Study (TIMSS), para as literacias de ma-temática e ciências, conduzido pela International Association for the Evaluation of Educational Achievement (IEA), tendo em conta os seus objetivos gerais, as tendências de evolução das performances dos alunos e os respetivos dados refe-rentes a Portugal (por regiões da NUTS II). A revisão bibliográfica e documental revela que Portugal tem vindo a melhorar os seus resultados no TIMSS desde 1995. Revelou, ainda, que existem diferenciações relativamente aos resultados por género e dimensões cognitivas (conhecer, aplicar e raciocinar). No TIMSS 2019 a região Centro foi a unidade territorial que obteve o melhor resultado a matemática e a ciências, no 4.º e 8 anos de escolaridade.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
Rosa, V. A. (2022). O TIMSS e a participação de Portugal. Medi@ções, 9(2), 21–35. Obtido de https://mediacoes.ese.ips.pt/index.php/mediacoesonline/article/view/288
Secção
Dossier
Biografia Autor

Vítor Alberto Rosa, Universidade Lusófona, Centro de Estudos Interdisciplinares em Educação e Desenvolvimento (CeiED)

Doutorado em Educação Física e Desporto, Ramo Didática da EFD, pela Faculdade de Educação Física e Desporto da Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (FEFD-ULHT) (2017), Vítor Rosa é, desde 2019, Investigador Integrado no Centro de Estudos Interdisciplinares em Educação e Desenvolvimento (CeiED), no âmbito do projeto PISA – “Uma história de sucesso? Portugal e o PISA (2000-2015)” (ref.ª PTDC/CED-EDG/30084/2017). Concluiu o Pós-doutoramento em Sociologia no Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES-Iscte) (2020). Licenciou-se em Sociologia e em Turismo, pela Universidade de Évora, e em Investigação Social, pela Universidade Moderna. É pós-graduado em Administração Pública e Desenvolvimento Regional na Perspetiva das Comunidades Europeias, pela Universidade de Évora, e em Sociologia, pelo ISCTE-IUL, e obteve o mestrado em Demografia e Sociologia da População, pelo ISCTE-IUL. Foi docente e investigador na Université Paris-Ouest Nanterre La Défense (França), UFR STAPS (Unité de Formation et de Recherche – Sciences et Techniques des Activités Physiques et Sportives (2015-2016), na Académie de Versailles (2017-2018) e na ULHT (2013-2017). Foi ainda investigador bolseiro FCT no Centro de Investigação em Sociologia e Antropologia – Augusto da Silva da Universidade de Évora (2010-2011) e Investigador Integrado e Secretário da Mesa do Plenário de Investigadores do Centro de Pesquisa e Estudos Sociais (CPES), da ULHT. É autor de um número alargado de comunicações e publicações nacionais e internacionais. Colabora como membro científico e editorial de diversas revistas científicas nacionais e internacionais e de outras publicações. Tem participado em diversos projetos de investigação.