Liderança Surda

Amílcar José Morais

Resumo


O tema “Liderança Surda” é um dos temas mais preocupantes, refletindo a crítica construtiva na Comunidade Surda atual em Portugal. Esta expressão está relacionada com a expetativa da capacidade de influenciar as pessoas Surdas e as suas organizações associativas, especificamente a proteção dos direitos e deveres da Comunidade e na sociedade maioritária. A reflexão do texto, demonstra a grande preocupação da comunicação e a linguística que estão ligadas à liderança e gestão organizacional, uma vez que se referem a relacionamentos interpessoais; através destes processos, os líderes e ativistas Surdos interessam-se por encontrar uma solução para melhorar a participação da Comunidade Surda a fim de estas realizarem as suas atividades na organização interna. Neste contexto, a comunicação precisa de ser encarada como uma ferramenta estratégica para o exercício da liderança e a linguística passará a ser avaliada enquanto melhoria do pro-cesso de usar a linguagem de relacionamentos interpessoais, o que torna cada vez mais necessária a compreensão, a participação ativa e o envolvimento dos líderes/ativistas e associados no processo da gestão da comunicação e do conhecimento da língua. Acrescente-se ainda que este trabalho tem por objetivo observar o comportamento linguístico de líderes Surdos relativamente a estilos específicos de níveis de Língua Gestual Portuguesa (LGP) como um caráter das representações linguísticas.

Texto Completo:

PDF


Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.



MEDI@ÇÕES - Revista Online da ESE/IPS
ISSN: 1647-3078

http://mediacoes.ese.ips.pt
mediacoes@ese.ips.pt

Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Setúbal | Campus do IPS | Estefanilha | 2914-504 Setúbal | Portugal


Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.