A aprendizagem das ciências em Portugal: uma leitura a partir dos resultados do TIMSS e do PISA

Leonor Graça Saraiva

Resumo


Em Portugal, a educação em ciências regressa, por vezes, ao debate público a propósito do desempenho dos alunos nas avaliações internacionais. Os relatórios nacionais dos testes PISA (Programme for International Student Assessment) e TIMSS (Trends in Mathematics and Science Study), aplicados em 2015, revelam resultados contraditórios. Neste texto, analisa-se brevemente a situação referida e apontam-se algumas possíveis explicações sobre as diferenças encontradas no desempenho dos alunos.

Texto Completo:

PDF




MEDI@ÇÕES - Revista Online da ESE/IPS
ISSN: 1647-3078

http://mediacoes.ese.ips.pt
mediacoes@ese.ips.pt